BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Poema Estendido



É de noite que te entranhas nos meus poros,

Que me lês na pele versos de desejo,

Que te alongas nos meus olhos em desvario,

Que me abraças o sonho aceso na paixão.


É de noite que ficas e me acaricias as palavras

Que estendes num poema a falar de amor...

21 Gotas de Chuva:

Maria disse...

As noites podem ser assim, mágicas...

Beijinho, Ricardo

Trapezista disse...

Enchente de ternura que envolve as tuas palavras, num vai e vem de momentos que ecoam no azul deste teu (A)mar ! :)

Deposito um beijo meu

Marta Vasil disse...

Mais um dos poemas de belas palavras onde o amor se estende na magia das noites.

Abraço

MV

Paula Raposo disse...

Há noites assim. Que se entranham. E desentranham...infelizmente. Beijos.

pin gente disse...

queria falar-te de amor
ou apenas das minhas formas de te amar
no fundo, queria olhar os teus olhos
ouvi-los
mas escondem-se de mim
fogem dos meus
e eu só queria entender-lhes o movimento pausado das pálpebras
que nem vejo!
olhar o seu abrir e fechar como lábios falantes
amantes
porque amam
amantes
porque falam de amor
eu não queria falar-te de amor
no fundo, queria apenas olhar os teus olhos



abraço

Graça Pires disse...

A noite continua a ser um lugar de paixão... Um abraço.

Som do Silêncio disse...

É por isto Ricardo...
São por palavras assim que neste momento, só me apetece envolver-te num abraço muito terno.
Comentar o post?
Não...não o faço. No meu abraço vai o meu sentir.

Um beijo,
Sim

anaides disse...

Agradeço a sua visita, ja tive prazer de visitar o seu blog também é muito agradável. Obrigada.

Susana Simões disse...

Antes de mais, agradeço a visita ao meu blog e o comentário que me deixou muito satisfeita. Obrigada!
Falando agora de poesia, tenho a dizer que gostei bastante da subtileza, beleza e entrega que encontrei nestes versos. Valem apena ser lidos e relidos.
Continuação de bons trabalhos.
Um beijo,
Susana.

'Pelo Caminho das Fadas

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

O orvalho cobre
as flores da manhã,
gotículas frescas
e o alvorecer
da rosa de porcelana,
quando o júbilo
se inventa
numa única palavra dita
e o aroma nos liberta.
(Paula Raposo)

Tenha uma sexta feira linda com muito amor...
Abraços

Carla disse...

e a noite chega vestida de versos de amor...que sejam encantadas as tuas noites
beijos e bom fds

Justine disse...

Sempre elegantes e empolgados, os teus cintilantes poemas de amor:))

sonhos disse...

Noites de sentimentos
Mares de sentires
Lindo

Beijinhos

Ana Martins disse...

Caro poeta,
muito forte a sua sensibilidade poética!
Parabéns!

Beijinhos e bom fim de semana,
Ana Martins

Sol da meia noite disse...

É de noite que o sentir vai de mansinho deslizando... descrevendo carícias que acendem a paixão...

Um beijinho *

Branca disse...

Dá vontade de ficar abraçada, aconchegada à pessoa amada...

bom fim de semana pra vc,
bjos.

Xana disse...

Uauuu Ricardo ,é na noite que nos despimos literalmente!

Muito mágico, bom fim de semana

utopia das palavras disse...

versos
estendidos
de carícias
em corpos
que na noite
são poemas...!

Beijo

Maresia disse...

Descobri-o na colectânea "Entre o sono e o sonho" onde também publiquei e vim à procura de mais. Voltarei.

Mariana Silveira disse...

poético,
suave,
sublime.

Gostei.

Sonia Schmorantz disse...

Lindo texto...gostei de ler.
Um abraço